Article Category Blog

Alfabetização bem-sucedida: a participação dos pais

Vamos continuar o tema do mês anterior para apresentar como a família pode colaborar para a alfabetização das crianças. Veja mais dúvidas comuns e seus esclarecimentos:


 

• Qual é a importância da Educação Infantil para a alfabetização?

Antes era comum a ideia de que o momento de ingressar no ensino fundamental, era a hora de ir para a escola “de verdade” ou “era a hora de parar de brincar”.

No entanto, defendemos a importância da Educação Infantil, pois são seus estímulos que serão os fundamentos de um excelente escritor e leitor. É durante a Educação Infantil o tempo de desenvolver competências que são essenciais para a alfabetização, por exemplo: Reconhecer que em nossa sociedade escrevemos horizontalmente, a partir da esquerda.

Então, valorize a escola, independentemente do nível a ser cursado e estimule seu filho a faltar somente em último caso.

 

• A linguagem oral têm menor importância?

A escrita é uma maneira de expressar-se, mas não é a única. Para falar, nós precisamos também organizar nosso pensamento, então os pais podem ajudar ao estar atentos à forma como o filho fala. Caso exista uma dificuldade em organizar os fatos ou a pronúncia equivocada de fonemas, recomenda-se o acompanhamento de outros profissionais como fonoaudiólogos, neurologistas e pediatras, afinal, dificuldades na fala podem continuar na escrita.

 

• Por que a alfabetização não é feita mais com cartilhas?

Muitas gerações foram alfabetizadas com cartilhas. No entanto, percebeu-se que restringir a alfabetização a decorar as famílias da silabas, por exemplo, DA-DE-DI-DO-DU, não era suficiente para que o aluno se comunicasse. Hoje, já é difundido que a alfabetização deve conter exercícios de treino motor aliados a momentos de produção textual, escrita espontânea, leitura simples, contação de histórias, observação do mundo letrado entre outros.

 

• O que a família pode fazer em casa para contribuir com a alfabetização?

A família pode contribuir também: quando for fazer compras, faça uma lista dos itens que precisa comprar e peça para seu filho ajudar. A participação dele será gradual e você precisará ajuda-lo, mas esta ação cotidiana vai ser um convite a pensar sobre as palavras. No início, ele falará a letra inicial das palavras. Em seguida, conseguirá mencionar algumas vogais. Haverá o momento em que seu filho ditará as sílabas e finalmente ele poderá se arriscar a escrever os itens que você falar.

Outra possibilidade é escrever a lista de compras em letra bastão (Faça toda a palavra em letras maiúsculas, como em MAMÃO) e convide seu filho a tentar adivinhar qual palavra é aquela. Os pequenos podem contar com a ajuda de um desenho, mas não vale se seu filho já estiver reconhecendo as sílabas.  

 

 

Como foi possível concluir após estas dicas, alfabetizar-se é um processo e pode contar com a colaboração da família. Se você conhece uma família que se beneficiaria com este texto, compartilhe! Conhecimento é para repartir!

Nathália Luiz Blanco

 

Como Chegar?

Largo Três de Maio, 88 - Vila Pires
Santo André - Próximo à Avenida D. Pedro I
(11) 4972-1058 (11) 4451-2201
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Fale Conosco

Invalid Input

Invalid Input

Invalid Input

Invalid Input

Invalid Input

Invalid Input


Como conheceu a escola


Invalid Input

Invalid Input

Invalid Input

Invalid Input

Selecione o nível de escolaridade de interesse


Invalid Input

Invalid Input

Invalid Input

Convênios

Conectando pessoas

Search

Converse com um de nossos atendentes via WhatsApp e tire todas suas dúvidas.

Converse conosco no WhatsApp
Close and go back to page